segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

Corre-corre

Voltar de férias é assim, a gente percebe que tudo acaba em casa, muitas contas para colocar em dia, mercado, limpeza, arrumações.
Ontem resolvi a parte mercado. Fui em um perinho de casa.
Compra tudo, papel higiênico, pasta de dente, leite, água…
Chego em casa, abro o porta-mala e cadê as compras?
Procuro no banco de trás, indignada e pensativa, tentando lembrar todos os meus passos de 2 minutos atrás, fiz compras, isso eu lembro, paguei, lembro também, desci com o carrinho até o carro, peguei a chave do carro que havia deixado com o manobrista e? Deu branco.
Volto para o mercado com cara de pamonha.
- Oi moço… Você se lembra de mim? Estive aqui a 2 minutos, peguei as chaves e lembra se eu tinha um carrinho?
- A senhora saiu e deixou ele ali, no meio do estacionamento, aí eu guardei. Disse o moço rindo.
Em resumo: acho que o Alemão agora grudou em mim…

8 comentários:

Pinho disse...

Xiiii, é de familia Re.
Ainda bem que na Dona Silvia apareceu bem tarde, agora em vc...

Cláudia disse...

Perigo hein?
Cachorrada, atenção, qualquer dia ela larga vocês lá no Burle Marx!
bj

"a" MH disse...

hehehe

o máximo que eu fiz foi deixar uma das 20 sacolas esquecida no caixa, ligar no supermercado pra ver se tinham achado ou se outro cliente levou pra casa, e passar lá de novo pra pegar...

Re disse...

Pinho,
Pois isso que me preocupa.... bjs

Clau,
FIca esperta se cruzar com meus cachorros na rua.... segura que eu esqueci.... bjs

MH,
Porque estes lápsos de memória chegam tão cedo? somos tão novas.....hahahha

bjs
Re

Ana disse...

Acho que o Alemão se infiltrou no gene da sua familia Re....
:)

mc disse...

ahahahah
Eu não me preocuparia. Isso é só sinal de que as férias foram muuuito boas!

Re disse...

Ana, acho que o alemão nos ama mesmo, mas ama mais a Kel, né?... hahahah
bjs

MC, ufa.... vou acreditar na sua análise....
bjs
Re

• keL • disse...

Assim: só pra constar, eu nasci com o alemão ok? Não tenho culpa... hahaha
Mas realmente essa foi muito mais minha cara, do que tua, acho que tá convivendo demais com a sua mãe!
Bjinhos sweety!