quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

Foi assim...

Viagem em família começa com briga no telefone para acertar a hora da partida, na hora marcada, depois de muitas mudanças, chego na casa dos meus pais e eles não estão prontos, óbvio, meia hora depois aparecem todos felizes, minha mãe já exausta de carregar tudo, pois meu pai tinha a missão de filmar a viagem e não podia largar a câmera, e assim foi, meu pai com câmera na mão, carro cheio de malas, minha irmã dirigindo e eu em outro carro controlando os cachorros.
Chegamos em Ilhabela e, como bons cariocas, fomos para a praia mesmo sem sol. Para chegar na praia, já é outra novela, tranca a casa, ativa alarme, prende cachorros, esquece a câmera dentro de casa, abre tudo, solta cachorros, prende de novo ativa alarme, liga polícia, alarme dispara, começa tudo de novo, esquece protetor solar, abre casa, solta cachorros…
E como na minha família nada termina sem boa comida, mercado, compra peixe, carvão, churrasco de peixe? Não, simples churrasco não resolve, tem que ter risoto de frutos do mar para acompanhar, horas na cozinha, meu pai filma tudo e as escravas obedecem as ordens. Afinal, ele precisa filmar…
A noite sempre vem com a jogatina, acompanhada de muita briga, roubalheira e a certeza de que momentos assim um dia farão falta, um dia não existirão e por isso, apesar de ser difícil a convivência depois que você tem o seu ritmo, a sua vida e as suas prioridades, mas devemos nos esforçar, pois a alegria dos meus pais por estarem com as filhas, sobrinhas, cachorros, afilhados, foi impagável.
Só não sei como ele resistiram aos 40 anos juntos e ainda estão vivos. Mas, o que eu mais quero é ver este filme.

Ps. Meu chefe quebrou o braço e tive de voltar antes…

7 comentários:

ANNA disse...

Re,
Família é o que há de bom, mesmo com as discussõe, trapalhadas, roubalheiras na jogatina...
Minha família tb é adepta da jogatina, e alguns integrantes tb são adeptos da roubalheira no jogo... Mas é muito divertido!
Beijo
(urb)Anna

Flávia D. disse...

Hehehe...essas viagens com família são impagáveis mesmo...acontece de tudo e mais um pouco...
bjoos

Ana disse...

Re
so o final que estragou ne, meleca!

Luna disse...

Adoro reuniões de família! Meus pais estão juntos há 31 anos (sem contar o tempo de namoro). Não sei como se aturam, mas é bom ver que casamentos podem dar certo!

Anônimo disse...

Nossa, Rê!
QUe legal!
40 anos juntos!
parabéns pra eles e pra vc também!
Adorei a história!
Beijo

vivi, de novo disse...

rê, o anônimo de cima sou eu, viu. rs

Dedinhos Nervosos disse...

Os cachorros voltaram com quem????