quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Stella Maris e Dorival

68 anos vividos um ao lado do outro, uma vida toda.
Cada um com a sua idade avançada, adoecem, um fica em coma, o outro de cama. Um vai para Maracangalha, só, pois Amália não quis ir. Mas 10 dias depois, ela se rende e vai levar o seu chapéu de palha.
68 anos juntos e 10 dias separados, isso que é uma vida juntos. Juntos mesmo, até a morte.

17 comentários:

ANNA disse...

Que lindo!
História de amor até o final... Deve ser o melhor final possível, né?

Garotas de Vinte e Poucos disse...

Oi Rê
fiquei com pena do casal, ao mesmo tempo que acho que eles foram abençoados de poderem continuar juntos....
dó dos filhos!

Bjo
*Lala*


-- post no Garotas!

Diego Martins disse...

Olá bela! (como dizem os italianos.rs)

Gostei muito que tu disse, é tão raro encontrar um amor assim, hoje é quase impossivel. E todo mundo sonho com um amor pra SEMPRE.

Isso devia servir de exemplo e com aquela frase, se vc viver 100 anos, quero viver 100 anos menos um dia, pra não ter que ficar sem ti..rs

bejO!!! e apareça mais! =)

Cláudia disse...

Com o Carlos Drummond de Andrade também foi assim né?
Quem fica deve ficar tão desarvorado...
Adoro historinhas de amor.
beijo

Barbara Góes disse...

liindooo... *-*

queria ter um final feliz assim...
unidos até a morte.. ;D
mas primeiro, preciso arrumar alguém pra me unir, neh?? hauhauahauhau

gostei muito do blog...
add ele lá no meu...
depois dá uma passadinha lá..

:*

Re disse...

Anna,
Acho que deve ser o melhor final, pelo menos o mais esperado...
beijo

Lala,
Tadinho dos filhos, né?
beijo

Diego,
Para sempre eu não acrediava que existisse, mas existe sim, né? Obrigada pela visita.
beijos

Clau,
Jura que aconteceu o mesmo com Carlos Drummond? Conta, conta...
beijo

Bárbara,
Obrigada. Vou lá conehcer o seu.
beijo
Re

Mila Neri disse...

o amor é maior!

assim mesmo curtinho, porque se tratando de amor as frases não precisam de predicados... ♥

Dedinhos Nervosos disse...

Lindo texto... linda homenagem. Companheiros até o final, não é?
Bjos.

Não Somos Apenas Rostinhos Bonitos disse...

A estória deles foi linda até o finalzinho da vida...super poético!
Beijocas

LindaRê disse...

:-S

Triste, mas bonito...

marcella disse...

adorei o seu blog!
fiquei hoooras lendo!
beijso

Diego Martins disse...

olá bela! li seu coment do outro post que fiz, e tu tb é designer?..rsrs Legal isso, somos 'concorrentes' então.r.srsrs

beijãO!

ANNA disse...

Uma lind ahistória de amor, apesar de triste para quem fica...
Mas daqui a pouco até mesmo quem ficou vai se lembrar apenas da parte poética disso tudo.
Beijo
(urb)Anna

Re disse...

Mila,
Bem vinda....
beijos

Não somos...,
Poético e lindo para que não vive a dor da perda.
Volte sempre.
Beijos

Linda,
A trsiteza sempre tem um fundo de beleza.... rs
beijo

Marcella,
Que bom. Obrigada e Volte sempre...
beijo

Diego,
Concorrentes não... Somos "colegas", rs.
beijo

urbANNA,
Imagina os filhos deles? Deve ser louco demais perder os pais assim.... em tão pouco tempo.
beijos
Re

"a" MH disse...

eu acho lindo quando isso acontece. Tem vários casos assim, um morre e o outro segue logo depois. E disseram que ele morreu porque, depois que ela entrou em coma e parou de telefonar todos os dias, ele perdeu o rumo, não comia nem nada...

Eu gosto de acreditar que é a força do amor dos 2 que não os deixou separados por tempo demais, depois de uma longa vida juntos!

Re disse...

Não acredito...mh...
Ah! que lindo...
beijo
Re

Isa disse...

Rê,
meus avós viveram uma história assim...meus pais provavelmente viverão.Queria ter o amor, a perverança, a paciência, o carinho e tudo mais necessário para ter uma história assim tb. Não é fácil, mas muita gente consegue.
bjus