sexta-feira, 16 de abril de 2010

Vida nova

Minha vida nova tem cheiro de mar, tem gosto de manga, tem ronrronar pela manhã, tem dama da noite na lua cheia, mosquitos às 3 da tarde, cachorros num eterno abanar de rabos.
Minha vida nova me mostra a cada dia que podemos recomeçar, reconciliar, reprogramar, rediagramar, redirecionar, revigorar, repaginar a nossa excência para o lado que quisermos, pois a vida não tem um rumo certo, mas sim vários caminhos incertos.
Minha vida nova me fez entender o sentido do "nada é para sempre", acompanhado de um "te amo hoje", só por hoje. Prometo não dar espaço para a tristeza, somente hoje prometo não beber algo que possa envenenar minha alegria por viver, somente hoje eu prometo olhar a lua nascendo, ao sol se pondo, à maré baixando. Somente hoje me orgulho da minha nova vida e prometo me orgulhar dela amanhã, pois a cada dia vejo que é simples, tudo é simples, a gente que complica.
Minha vida nova é plena, é cheia das 24 horas que nos deram para viver em um dia de cada vez e consequentemente, uma vida de cada vez, não vou viver outra vida senão a minha, quero viver a vida que eu escolhi para mim, não a de mais ninguém.
Minha vida nova não tem "diz que me diz", não tem certezas absolutas, nem definitivas, não tem sapatos fechados, nem blazers abertos. Não tem medos que valham a pena, nem ideologias sem fundamentos.
Na vida nova que eu vivo sinto falta de amigos, de trocas, de escrever mais e de debates caloros sobre aquele filme francês que era chato para dedeu.
Na vida nova que eu vivo, eu vivo e não sobrevivo cheia de mágoas, peso, rompantes e medos.
Na minha vida velha aprendi que ser sozinha é bom e na minha nova vida percebi que acompanhada é melhor ainda.*

* Este post para a minha nova vida com meus 10 amores.

12 comentários:

Cláudia disse...

Especial atenção ao "tudo é simples, a gente é que complica".
Ainda bem que na nova vida cabem os amigos da velha!
beijinhos

MH disse...

Nada como aprender a curtir, com calma, uma vida sem a neurose urbana...
Sem falar que a vida é feita de fases. Se esta te faz feliz, aproveite ao máximo!
beijo

Ana disse...

Ahh que lindo Re!! Fico muito feliz por vc. E tb fico pensando, quando é que terei a minha vida nova....

Amélie™ disse...

Que delícia de vida nova,
valorizando o que realmente vale a pena.
Siga em frente, conquistando sempre a paz e alegria de viver. Algo tão sonhado pelos homens e tão pouco alcançado.
Bjos.

Paula Nigro disse...

Ahááááá!!!
Fichas caindo.
Acabo de escrever por aí: "Tentando a implosão para a reconstrução".
Este teu post veio como uma grande contribuição nesta minha nova vida também.
Viva!!!
Beijos,
Paula Nigro

Paulinha Costa disse...

Que vida nova linda que você tem! Dando ao valor ao realmente tem valor, apreciando o que a vida oferece de mais belo, VI-VEN-DO.
Estimulante, adorei!

Bjs

Denise do Egito disse...

Lindo texto, Rê! Me inspirou! Ando querendo uma vida nova também.
Parabéns!
Um beijo

Manuela Macagnan disse...

Renata, sempre passo aqui para ler seu blog e adoro. Que invejinha dessa sua vida, viu? beijos

Dedinhos Nervosos disse...

Dia desses tava lembrando dos nossos papos via MSN e suas dúvidas quanto a ir praí. Que ótimo ler este post. Bjos.

mc disse...

A-do-rei!
bjs

Flavia Coradini disse...

Adorei,
fico feliz por você sem nem te conhecer.
E digo mais: quando se descobre o que você acabou de descobrir, que a vida é simples, dá para ser feliz em qualquer lugar do mundo.
Até em São Paulo.
Acredita?

CHEIRO DE FLOR disse...

Saudades de passar por aqui!!
um xerão pra ti e tudo de bom!!!