terça-feira, 21 de outubro de 2008

A vida devia ter trilha sonora dos Los Hermanos

"De onde vem a calma daquele cara?

Ele não sabe ser melhor, viu?"

Sempre que ouço Los Hermanos tenho vontade de fechar os olhos e criar na minha cabeça as personagens das histórias. Falta do que fazer?

"E quis ter os pés no chão
Tanto eu abri mão

Que hoje eu entendi

Sonho não se dá

É botão de flor

O sabor de fel
É de cortar."

Não. Queria ser uma destas personagens. Misturo suas estrofes e vejo que de qualquer maneira elas fazem sentido. Para mim.

"Nunca acreditei na ilusão de ter você pra mim.

Me atormenta a previsão do nosso destino."

Onde a música me toca, a poesia deles me comove.

"Pois vá embora, por favor

Que não demora pra essa dor... sangrar"

Nunca fui fã de ninguém, nunca ouvi Menudo, nem sabia suas danças, por isso me intriga, agora que passei dos 30, me ver assim, apaixonada, simplesmente.

"Eu quero paz

Quero dançar com outro par pra variar, amor"

Virar fã, me fez ver que depois dos 30, a gente pode criar novos amores, novos hábitos e novas habilidades.

"Eu não sei por onde foi

Só resta eu me entregar

Cansei de procurar

O pouco que sobrou

Eu tinha algum amor

Eu era bem melhor

Mas tudo deu um nó

E a vida se perdeu

Se existe Deus em agonia

Manda essa cavalaria

Que hoje a fé

Me abandonou"

Depois dos 30, aprendi também que posso escrever além de desenhar, que posso ter tempo para amar, para viver, para trabalhar, para ser esposa, filha, ser mãe (dos meus cães), ser irmã, sem nada anular nada. Aprendi que a vida tem que ser leve e que a vida seria mais feliz se tivesse uma trilha sonora.
E com certeza a minha seria:
"Deixa eu brincar de ser feliz,

Deixa eu pintar o meu nariz"

27 comentários:

Karlinha disse...

Aaaaaaaaaaahhh!
Los hermanos têm música pra tudoOOoOoOo!Amo!Também fico usando elas pra explicar o que a gente não entendia antes de ouví-las...Tudo de booom!
Sempre há tempo, cabe a nos a sabedoria de administrá-lo!
Beijos!

Paula Nigro disse...

Eu passei a gostar dos "Los Hermanos" por causa de um amigo meu, naquela viagem a Campos do Jordão em julho. Agora tenho todas em meu computador.
A que gosto muito é "Mais uma canção". E sempre que a ouço, faço em minha mente imagens engraçadas, não necessariamente por causa da letra, mas sim, pelo arranjo. É muito bom!
Beijos

Re disse...

Karlinha,
Que bom que vc tb ama.... ouviu já o ao vivo deles? amo, amo, muito....
beijos

Paulete,
Tnao pouco tempo... É isto mesmo que eles causam.... histórinhas pra gente viajar com eles... pena, pena que se separaram...
beijos
Re

MH disse...

é isso, a trilha perfeita pra tudo. Descobri Los Hermanos não só depois dos 30, mas pouco antes de eles darem essa "pausa". Ainda assim, as músicas e letras me inspiram, são perfeitas!

bjo

isaBela araújo silvA disse...

eu ouvia menudo freneticamente, e tbm cometi o desatino de achar que new kids on the block eram os novos beatles... enfim, esselance de ser fã é comigo mesmo, mas te entendo qdo vc diz "depois dos trinta"... eu sou fã de coisas bem melhores, diga-se de passagem, e me comovo demais com tudo isso... já chorei sozinha fazendo almoço e ouvindo histórias de amor alheios.
a nossa vida tem trilha sonora sim, e com certeza compartilhamos de los hermanos, de luiz melodia, de lenine, de caetano, de chico buarqueeeeee! ai dio!

isaBela araújo silvA disse...

ah! eu estou na fase:
"abre essa janela, primavera quer entrar".
o algo assim...

Gabriel disse...

Re,
Eu gosto dos Los Hermanos, mas não sou um fãzaço... Até tenho algumas músicas no meu celular que toca músicas...
Me chamou mais atenção no seu texto, o "poder fazer coisas que não fazia". Estou terminando de ler um livro que me apaixonei chamado, Vivendo, Amando e Aprendendo, de um louco chamado Leo Buscaglia. Entre muitas coisas super legais que ele fala sobre o AMOR, ou sobre como tocar nossa vida, uma delas é essa. A nossa capacidade de desaprender aquilo que aprendemos "errado" e reaprender de outro jeito... A capacidade de mudar, e, explorar as capacidades ilimitadas que temos!!!!
Pau na máquina!!!

PS: Eu escutava, dançava e gravava Menudo por causa de uma gatinha em Santanésia...num espalha!

Anônimo disse...

Oi Renata,

Há 4 anos e meio "passei dos trinta" e até que gostei! Fui parar no seu blog por acaso misturado com sensação de que algo faz a gente fluir para direções certas. A primeira vez foi em um dia que eu estava muito triste pois meu pai havia falecido, 30 dias de UTI, tudo de repente. Eu tinha dentro de mim uma melancolia que não conseguia expressar em palavras. Foi aí que resolvi "surfar" na web para distrair a cabeça e caí no seu blog exatamente no dia que vc escreveu "se eu soubesse". Me emocionei muito. Era tudo o que eu queria expressar. Obrigada do fundo do meu coração. Desde então leio seu blog e me identifico e adoro. Incrível o seu jeito de escrever!Parabéns. E semana passada estava vindo para o trabalho quando começou a tocar na rádio essa mesma música do Los Hermanos. Nunca gostei muito deles, aquela Ana Júlia era insuportável, mas amei essa letra e a forma que ela é cantada! Se existem coincidências não sei, mas obrigada mais uma vez por expressar o que estava na minha mente!! ;-)

Bj,

Adriana.

Pinho disse...

Com trilha sonora a vida deve ficar bem mais facil, né, Rê.
Mas..., Los Hermanos????
rsrrss

Déa disse...

Oi! Não suporto Los hermanos, mas seu texto é realmente muito sensível! Amei! E também acredito que se possa sim, sempre estar se apaixonando por coisas novas! Beijos

Re disse...

Mh,
Conheci Los Hermanos e não me apaixonei, foi um namoro xoxo, sabe?
Mas hoje em dia estou tão apaixonada que vou ver Marcelo Camelo e chorar....
beijos

Isabella,
Que fase boa.... Deixa a primavera entrar sim... Abra a janela.
beijos

Gabriel,
Vc podia me emprestar este livro... preciso aprender muito sobre o amor... Mas gravar Menudo? Aposto que dançava igual para conquistar a gatinha, confessa!!! Obrigada por acreditar nas capacidades de aprendizagem da minha vida...
beijo

Adriana,
Olha eu aqui chorando ao te ler... Que bom que o que eu sinto posso compartilhar com alguém que viveu o mesmo. Se coincidências existem, não sei também, mas este é um sinal.
Muito obrigada
beijo

Pinho,
Pára de ser preconceituoso... Pára de ouvir Vanila Ice.... O mundo se modernizou, sabia? rsrsrs
beijo

Dea,
Como assim não suporta Los Hermanos? Algo deles vc deve gostar...rs
Obrigada por me entender, mesmo sem gostar....
beijo
Re

Madame Viu disse...

olha, vai ver que pra entender mesmo Los Hermanos só depois dos 30. eu só conhecia a Ana Júlia e nunca gostei. ano passado me apaixonei. não dá nem pra dizer qual a preferida. bjs!

Isa disse...

Ô Ana Júlia...rsrs...Amo!
bjus

Re disse...

Madame,
Pode ser... que depois dos 30 os nossos ouvidos entendam melhor eles....rs pode ser.... boa teoria....rs
beijo

Isa,
Já que o Gabriel comfessou que ouvia Menudo, confesso que amo Ana Júlia.... principalmente a nova versão.... Ufa... estou mais leve. rs
beijos
Re

Ana Clara disse...

Lindo post. Exatamente o que todos nós, que passamos dos 30 sentimos. E vale dizer que acabo de concluir que Los Hermanos é a banda das balzacas, pois eu achava ser a única que não entendia nada deles antes dos 30... foi chegar aos 30 e alguns meses e delirar com as letras. Mas depois de ler os comentários... Isso dá até uma confraria. "Abrimos a janela, deixamos a primavera e os Los Hermanos entrarem".

Barbara Góes disse...

aiii...

adoro los hermanos...
tem letras lindas e ótimas melodias...
;D

ja tenho seu blog linkado há algum tempo, mas nunca tinha postado, axo! rs

bjaoo

Heleninha disse...

aaaaaah los hermanos!

Re disse...

Ana Clara,
Criaremos o fã clube mais animado deles, aposto...rs
beijos

Bárbara,
Oi, muito prazer... estou indo lá te conhecer agora....
beijos

Prima,
Dia 14 Marcelo Camelo, hein? Vc tem menos que 30, mas é fã de carteirinha tb, né? rs
Até lá.
beijos
Re

ANNA disse...

Não se reprima, não se reprima... hahaha

Quanta coisa linda que eu nunca tinha realmente ouvidos nas músicas deles. Taí, vou explorar mais esses caras!

beijos

Madame Viu disse...

Re, conheci o trabalho dele aqui, num post mais lá embaixo e adorei, por isso coloquei o link! além de Los Hermanos eu também sou apaixonada por fotografia...rs! bjs!

Re disse...

Anna,
SE quiser trocar figurinha te mando musiquinhas deles... Amo, amo... explore mesmo! rs
beijo

Madame,
Ele é o meu fotógrafo favorito. Trabalhamos muito juntos e hoje somos cúmplices visuais, fotografia é tudo de bom.
beijos
Re

Paulinha disse...

Re,
Também gosto muito de Los Hermanos... E apesar de muita gente falar mal da pobre da Ana Júlia eu sempre achei a música bonitinha hihihihi
Entao é vc apaixonada por eles e eu pelo Teatro Mágico! =]

Paulinha

Denise do Egito disse...

Re,

Claro que depois dos 30 vc pode virar fã! Tenho mais idade que você e me pego apaixonada por algumas bandas novas. E com um fillho roqueiro em casa, tô sempre acompanhando as novidades.hehehe
Beijinho

Dedinhos Nervosos disse...

Eu não conheço nada deles, mas sempre é tempo, né? Essas letras que vc escreveu são bem poéticas e dizem muito. Quem sabe, heim? Se conheci o Radiohead há pouco mais de 1 ano, posso tb conhecer uma banda nativa, né? ;o)
Bjos!

Pinho disse...

Re, não adianta, não suporto los hermanos.
Mas, confesso, até que Ana Julia não era ruim.
Foi a 2a melhor coisa que eles fizeram.
A 1a foi acabar com a Banda.

Flavia Coradini disse...

Existe uma banda mexicana chamada Cafe Tacuba. Los Hermanos pós-Ana Júlia é uma cópia escarrada. Adoro Cafe Tacuba, mas antipatizo profundamente com Los Hermanos pela cópia, pelas barbas. Acho muito chato.

Acho que é a primeira vez que não concordo com vc. rerererere
Faz parte. Mas o motivo do comentário é te deixar curiosa sobre Cafe Tacuba. Ouve e depois me conta.
Bj

Re disse...

Flavia,
Ouvi e ADOREI!!!!
Mas não achei que Los Hermanos copiam eles, pois o sentimento fala mais alto...rs
Mas adorei e já até adicionei aqui em preferidos do meu site de musicas.....
beijos e obrigada
Re