quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Desafinando

Meu som do carro quebrou, agora ando com meu mp3 lotado de bossa nova. Porque ele tem tanta bossa nova? Eu sempre me pergunto isso.
Mas ao som de Desafinado fui entrando no meu bairro com o solzinho do final do dia, as plantas felizes, os cachorros passeando, os ônibus escolares voltando e me deu uma nostalgia "a la" Manoel Carlos quando vi que um novo prédio começou a ser construido hoje. Percebi que não verei ele crescendo, nem acompanharei o trânsito que vem com ele. Me senti uma Helena com meu dilema, meu drama pessoal, meu Leblon.
Fui ao mercado pela última vez e me deu vontade de chorar quando o caixa perguntou dos meus cachorros. Meu Leblon está desafinando preciso fotografá-lo na minha Roleflex para guardar esta imagem, pois quando eu voltar não será nada igual, perderei muitas coisas, muitas histórias, muitos dramas.
Talvez eu sofra este meu dilema de Helena, por ter a mania de falar com todo mundo que eu cruzo, acho que este é um hábito de quem mora sozinha, ou de quem é curiosa. Então, deixar o meu bairro desafinando é como deixar um monte de histórias, um monte de pessoas queridas para recomeçar. Terei que criar meu novo Leblon, meu novo dilema de Helena e meu novo desafino, porque no peito dos desafinados, no fundo do peito bate calado, é que no peito dos desafinados também bate um coração.

12 comentários:

Cláudia disse...

Ainda mais aqui na roça né? que tem um jeitão meio interior das pessoas se cruzarem nos mesmo lugares...
Vou te manter informada sobre os babados do bairro!
beijo

MH disse...

Ai... pronta pra ir? Vai ser tão boa sua nova vida... mas entendo a nostalgia por antecipação! Ainda bem que sua vizinha aqui de cima vai te manter atualizada, né?
beijo

Roberta disse...

Acho que no ponto final do seu textos você encontrou o porquê de tanta bossa nova... beijos.

vivi disse...

RÊ/Helena,
Será que este prédio que está construindo é o que abrigará o meu apto 92?
Bom, é natural ter este dilema de Helena e este dilema só tem quem se envolve emocionalmente com as coisas, tem um coração que bate forte no peito...
E essa é você! Dentro em breve, trocará os caixas de mercado por pescadores, turistas de todo o mundo, peixes azuis (rs), surfistas de Maracaípe, barquinhos, caranguejos...
Veja só o extenso mundo em que a Helena ira´explorar!!!
Bjs.
PS: não esqueça 'daqueeele' post, atá?! bolinho de vacalhau! UEBA

Dedinhos Nervosos disse...

Rê! Não dou 2 semanas para vc conhecer TODO mundo em PG. Ou melhor... uns 10 dias. rsrs

Mas enquanto não vai, tire fotos de tudo. TUDO mesmo! É uma delícia lembrar das coisas podendo ao menos vê-las por fotos!

beijos!

Renatinha disse...

Clau,
Vc jura que me manterá informada? Vou cobrar, hein? A roça é bacana de se viver, né?
beijo

MH,
Quase pronta, falta tudo ainda pois deixei tudo para a ultima hora, como sempre...rs
beijo

Roberta,
Encontrei? Sou uma desafinada por natureza....rs
beijo

Vivi,
Vc ia ser minha vizinha? Imagina eu, vc e Clau, fervendo pelo bairro? ai, ai, ai.... rs
beijo

Dedinhos,
Será? Povo Nordestino é mais fechado para novas experiências culturais....rs
beijo
Re

Cláudia disse...

Seguinte: antes de tu ir embora de vez a gente tem de ir lá no Tuga!!!!
beijo

Renatinha disse...

Clau,
vou agitar o encontro das blogueiras sp... aonde? lá no tuga... dia 17, vou fazer um post para isso...rs
beijo

Pri... disse...

Que seu novo Leblon seja cheio de bossa! :-)

vivi disse...

Eba, eba, eba!
Encontro das blogueiras e comentadores oficiais: eu. rs
Lá no Tuga?
É o tal porrtugâis?
Beijão, Re

Cláudia disse...

to dentro do Tuga! ops.. rs
beijo

Dedinhos Nervosos disse...

Ahhhh, eu tb quero ir no Tuga... :o(