domingo, 18 de outubro de 2009

Alien, o rebelde

Desde que cheguei aqui em Porto de Galinhas para morar, percebi uma coisa estranha acontecendo comigo. Algo que não devia começou a se rebelar de maneira descomunal, de modo que preciso agora chamá-lo por um nome próprio, como se ele resolvesse ter vida fora de mim, vida paralela, vida independente.
Tudo começou no primeiro dia de praia, ele saiu do meu controle ali, naquele instante, e de lá para cá, cada dia de praia tem se tornado algo que exige muito de mim para educá-lo.
Ele quer ficar livre, solto, da maneira que o vento permitir, ir sentindo as ondas (e que ondas), ele quer mostrar que está ali e que manda no pedaço.
Mas eu me prometi não mais tentar domá-lo de forma tão violenta, com corretivos, ajoelhar no milho, passar ferro, formol, chapa, secador...
É, meu cabelo anda com algo estranho de rebeldia em excesso, querendo ir para Woodstock, fazer parte do movimento Black Power, ser do fã-clube da Vanessa da Matta ou do Wilson Simoninha e a cada dia vejo que o nosso fim será um só, ou ele ou eu sobreviveremos a este ataque.
Que vença o melhor.

15 comentários:

Ana Paula Britto disse...

Oi Renata tudo bem?
Parta do seguinte princípio: o que está na moda agora é o cabelo da Thaís Araújo (lindo!!!!) O cabelo chapado já cansou, na minha opinião. E deixa as mulheres com a mesma cara. Imagina você, com o calor todo que faz aí, ter que enfrentar secador e chapinha. Deixar natural é mais chique!
Beijo

mc disse...

Rê, estamos tão longe e mesmo assim tão perto! rssss
to com o mesmo problema, mas não tenho cabelo cacheado, só arrepiado mesmo. Não sei mais o que fazer pra controlar o frizz (só falta tentar fazer toca!), mas no Brasil vou ter que apelar para o formol...

Pri... disse...

Concordo com a Ana Paula. Relaxa porque a moda agora é manter os fios naturais. O importante é hidratar sempre, usar os produtos de acordo com seu tipo de cabelo e manter a alimentação saudável porque isso se reflete na saúde dos fios e da pele. Então relaxe e aproveite as mudanças todas para conhecer o seu novo cabelo como morador num novo local. Ou vc não acha normal que ele tenha se resentido com as mudanças e queira se libertar também? rs Bjos!

Roberta disse...

Deixa ele dizer o que pensa dessa vida.. precisa demais desabafar!

Beijos!

Cláudia disse...

Ta igual criança muito presa, agora que tem uma brecha, quer aproveitar.
beijos

Denise do Egito disse...

Você vai morar em Porto de Galinhas? Uau! E conta isso asssim, na bucha? Hahahaha. Não sabia, não... Ih, perdi algum post no meio do caminho. Deixou o emprego, deixou São Paulo, tudo? Bravo! Que mudança! Desejo muita boa sorte!
E deixe seu cabelo livre, leve e solto, moça! Quem sabe ele também não deseja mudar de vida? =D

Um beijo pra você e boa semana!

ANNA disse...

Trilha sonora: I want to be free!!!
Compreenda, Re, ele tb merece se libertar!
Beijo
urbAnna

MH disse...

Manda ver no leave-in e aproveita...

beijo

Renatinha disse...

Ana Paula,
Chique é quando ficam cachos e quando sou parecida com a Thais Araujo, mas não é o meu caso, aí fico meio assim parecendo uma louca varrida mesmo... rs
beijos

MC,
Tão longe e tão perto... rs Os nossos problemas não mudam, né? Meu cabelo não é crespo, crespo, é cheio sabe? Já tentei até passar óleo de amendoa... Formol, não mais pois teria que abrir mão do mar, imagine? Aquele marzão e eu longe dele? Contra o frizz, tem muito creme bom... Manda foto, manda foto... rs
beijos

Pri,
Verdade, eu me mudei, porque ele não pode mudar também? né? rs
beijos

Roberta,
O problema é que ele se desembestou a falar e não pára mais... rs
beijo

Clau,
Está igualzinho, dei trela, agora segura a criança... rs
beijo

Xi... Denise,
Você perdeu várias partes do blog. Estou aqui morando em Porto de Galinhas, ainda pensando na vida e tomando conta da tábua da maré... rs
beijos

urbANNA,
Ele merece se libertar, mas eu mereço um pouco de compaixão dele, ou que ele se rebele a noite na hora de dormir, mas o dia todo de rebeldia, ninguém aguenta...rs
beijos

MH,
leave-in? Tem isso aqui na minha terra? Vou procurar hoje!
beijos
Re

Revisora do P... disse...

Oi, Renata. Cheguei aqui por um link do bacanérrimo. vou dar uma passada de vez em quando. Passa lá no meu também.

Isa disse...

hahahah...eu tb estou numa batalha ferrenha...rsrs...
Água do mar acaba, né?
Se vc descobrir uma fórmula porreta você me avisa?
bjs

Ana disse...

Querida, siga o conselho do cabelereiro das estrelas de Porto: Neutrox nele! :D

Mulher Solteira disse...

Rê,
quem diria que um dia você ia sentir saudade do tempo em que a sua franja era o maior dos seus problemas... Hahahahahah!
Nada como uma mudança de perspectiva!
Será que não tem um corte mais curtinho, a la elis regina, que resolva o seu problema? (tipo essa do seu template, o cabelo tá lindo!)
Outra opção são os chapéus, bonés...
Sei lá! O importante é entrar no clima da nova morada! Chapinha já era!!!
Beijocas!

Vivi disse...

Rê,
tente enganá-lo. Fingir que está na roça...e que o ventinho é conhecido...coisa natural.
Ou apela pros leave-ins da vida mesmo...pra continuar enganando ele.... que tal?!
Saudadelas, Renatinha!
Ah, e as fotos?
E o Beijupirá, continua bão?
Beijão querida

Renatinha disse...

Revisora,
Estou indo lá sim...
beijos

Isa,
O cabeleileiro daqui mandou usar Nautrox... rs Será? Depois te conto... rs
beijos

Ana,
Estou no Neutrox... depois conto... rs
beijos

Mulher Solteira,
Quem diria que minha franja seria o maior problema da minha vida? Quem diria... rs
Curtinho assim como da foto lá de cima eu preciso estar mais magra, pelo menos uns 5 kg... Minha teoria... Acho que fica mais bonitinho... Mas até perder os 5 kg, faço o que? Vou domando a fera... rs
beijos e saudades de te ler

Vivi,
Vou achar este leave in que tanto falam... Olha... E os planos do casório? Nunca mais te vi on line... rs
beijos e saudades
Re