domingo, 6 de junho de 2010

A Natureza Zeziniana


Zézinho, ah! Zézinho. Sempre o mais animado, o mais esperto, o mais safado. Sempre o que acorda mais cedo, briga mais com os gatos, come menos e brinca mais. Corre para pegar sagui, mata timbú, gatinho perdido pela rua... Sempre o mais cheiroso e barulhento. Sempre nos lembrando que a natureza dele é diferente da natureza canina normal. Ele não se entrega por um prato de comida e nem por uma cama quentinha, não. Ele não se rende aos chamegos normais que qualquer cachorro daria a vida, não. Ele não se intimida diante de hierarquias, convenções, hábitos, não. Ele é indomável por natureza. É dele. Ser livre.
Quando o achei, que dia feliz, chegou em casa e logo se apossou da varanda, do canto mais alto do sofá e do meu coração. Virou meu filho trabalhoso querido, um doce disfarçado de diabinho, um ser peludo que ronrrona e odeia gato, salta muito alto mas não é coelho.
Morar em apartamento com você era fácil, sem muitas tentações, mas foi só nos mudarmos para casa que você mostrou sua natureza Zeziniana e desde então haja vela aqui em casa, haja São Francisco para te proteger. Seu nome está embaixo de todos eles, trabalhando para salvar este ser a quem dei a sorte (ou o azar) de batizar de Zé, José, José Francisco, um legítimo filho de quem nunca foi convencional, um legítimo vira-lata que nunca será domado, apenas amado por seu jeitinho de ser.
Fujão, briguento, nervosinho, arisco, doce, levado, querido, gilosinho, que pela milésima vez fugiu de casa e me deixou assim, neste desespero, colada no portão, andando pela rua de pijama feito uma doida varrida. Ah! serzinho querido que se mistura com a gangue de rua mais safada que existe, se esquece da gente e de sua casa. Estamos te esperando. Com vela acesa, promessa para Seu pai, Seu Chico, e sorrisos querendo se abrir. Lágrimas paradas. Estancadas. Para serem soltas de alegria. Na alegria do seu retorno. Que espero que seja breve.

18 comentários:

Cláudia disse...

Ah, Re! ele vai voltar sim, logo logo, com a cara mais lavada do mundo, pra tocar horror na gataiada.
To rezando pra S. Francisco aqui tambem.
beijo

Manusen disse...

ai que post mais lindo, até eu já amei o Zezinho hihihihi
e ele é esse estilozão aí da foto? Isso é um topete? Eu amei isso!! hihihi

Virgínia disse...

Zezinho saiu para dar um rolê e esqueceu que tem casa? Se Deus quiser e São Francisco der uma foça ele volta, rapidinho! Fique sossegada! BJ

Bibis disse...

Cara, chorei =( já tive uma cadela fujona, mas depois de 2 semanas ela voltou! Dói, né?

Renatinha disse...

Ele voltou!!!!!
Como disse a Claudia, com a cara mais lavada do mundo ops imunda depois de 24 hs fora de casa... voltou de moto com o pai, as 5 da manhã após uma noite de buscas pela periferia de Porto...
Sao Francisco trabalhou mais um dia e uma noite em função daquele safado...
Obrigada!
beijos
Re

Vivi disse...

UFA, Rê.
Antes de postar, li os comentários em busca de uma notícia boa que VEIO.
UFA...que trabalho dá o Zezinho, ne´?! E talvez também por isso ele seja o predilet, ops...tão amado quanto os outros pq entre filhos vc não tem predileto, né, Rê!!
Beijão amiga!
Saudades!

Nem eu sei bem... disse...

Fiquei com o coração apertado depois de ler o post, ainda bem que ví aqui nos comentários que ele apareceu! Não tem como olhar pra ele e ver o meu Sansão...acho que se fossem irmãos não seriam tão iguais, rs

Beijão

Dedinhos Nervosos disse...

Rê, o Kiko deve ser parente do Zezinho. Não é de fugir, até pq vive na rua... sai quando quer, volta quando tem vontade. O gênio ruim evita que seja roubado. Mas uma vez, ele sumiu por DOIS MESES inteirinhos e voltou pra casa. Eu estava em SP e vovó ligou na maior felicidade. Ele volta, Rê. ;o)
Beijos!

Dedinhos Nervosos disse...

Droga, não li todos os comentários pra saber da volta dele.. rsrs

Paula Nigro disse...

"O bom filho à casa torna"...
Tinha dúvidas disso?
Que alívio!
Ufa!
Beijos

Kakaya disse...

Antes de ler o seu coment eu já senti que ele ia voltar!rsrsrs!
Se coloca no lugar dele: Com uma dona assim até eu voltaria!

Roberta disse...

Ai Re que desespero!
Me deu um aperto aqui de saber que ele ta por aí...mas to torcendo pra que ele volte logo.

beijos.

Renata Marques disse...

ai, Rê, que safado o Zezinho!
chorei com o post, me emocionei qdo li que ele voltou, mas rachei o bico ao saber que voltou de moto, na garupa do pai, às 5 DA MATINA! rs.
nós, trouxas que amamos bichos, fazemos qualquer coisa mesmo por eles, né? Até sair de pijama na rua, ou de moto na madrugada.

bjo!

Fabiane Siqueira disse...

Fiquei super triste ao ler o post... impressionante como essas coisinhas nos fazem bem e mal...
ainda bem que li os comentários e ele já está bem!
Graças a Deus!

Lilian disse...

Ufa, que alívio!
Até chorei lendo o post, e fiquei feliz ao sabê-lo em casa novamente. Bota um rastreador nessa criatura!
kkkk

K. disse...

AI QUE BOM, VIM AQUI PERGUNTAR E JÁ VI QUE VOLTOU!
ELES LEVAM UM PEDAÇO DA GENTE JUNTO, NÉ??

BEIJOS!

KARINA

Anônimo disse...

Very fascinating info. The author made a good job! I even wish to advertise here... My site is dedicated to sports games for money. Pls feel free to email me at: editor@xboxformoney.com

Fernanda Pereira disse...

Oi Rê, eu sempre venho aqui ler, mas quase nunca comento. Partilho com vc desse amor pelos peludos de quatro patas... E terminei esse post com lágrimas nos olhos...ele já voltou?

Espero que volte, vou rezar para que volte...

E a PTK? está bem? mando beijos e Lex manda suas lambidas...