sexta-feira, 8 de dezembro de 2006

Seu guarda eu não sou vagabundo

Pense num calor. 40º, verão pernambucano. Pense em você querendo ir para Porto de Galinhas pegar praia, jogar frescobol, mas você está em Recife. 1 hora apenas te separa da praia dos sonhos.
Van? Ou ônibus? Van é mais rápido, vamos de van. Tudo acertado, eu e meu marido entramos na van. R$ 2,00 cada um.
Cabem umas 7 pessoas, sem malas. Estávamos em 11 com malas. Todos na van. Seu guarda eu não sou vagabundo…. Bruno & Marrone no cd da van. Amiga do motorista adora esta música, vai repetir. De novo, e de novo. A van pára, pega mais passageiros, tenho de sentar no colo do meu marido. Replay. Seu guarda eu não sou vagabundo. Desvia o caminho, precisava entregar uma bicicleta em Estrada. 2 horas e meia depois… seu guarda eu não sou vagabundo… estou no colo do meu marido, 50º, mala no meu colo e… seu guarda eu não sou vagabundo… Chegamos em Ipojuca, uns 15 km de caminhada até em casa. "A van passa lá" - fala o motorista, seu guarda eu não sou vagabundo… Fomos a pé… mais um replay daquela música eu juro que infartava. Chegamos em Porto de Galinhas, começou a chuva, e 2 dias depois a chuva continuava, e eu odeio Bruno & Marrone. Hora de voltar. De van? Ou ônibus? Van é mais rápido diz meu marido… seu guarda eu não sou vagabundo…

8 comentários:

Cláudia disse...

Olha, Re, eu até ia comentar, mas acho que não há o que dizer sobre o assunto.
É caso de sentar e chorar... Ou de morrer de rir (se não foi com quem tá rindo, claaaarooooo!).
Da próxima, melhor pegar um fretado, direto, ou consultar a previsão do tempo pra valer a pena o sacrifício.

Anônimo disse...

KKKKKKKKKKKKKKKKK !!!

Ainda bem que não foi preciso ir de avião, senão demorava mais !!!

<:)>

Ricardo

geraldo disse...

Nossa essa é minha visão do inferno!!!
rss adorei
bju

Renato disse...

Oi nariguda,

Prova de que nós não temos nenhum tipo de preconceito; sabes porque?

- Porque......"seu guarda e não sou vagabundo, eu não sou delinquente......"

Anônimo disse...

Po Re, vc deveria ter entrado no clima, achar que estava num karaoke e ir cantando com o motorista... :)
Beijos.

Anônimo disse...

Hahahaha, que trash Rê.

Ainda bem que vc não precisou dormir na praça.

MH disse...

O pior é que, depois de ler o post, faz dias que estou com a música grudada na minha cabeça!

Pinho disse...

nao sei o que é pior, a musica ou a van, como bem disse o Geraldo, isso pra mim é uma visao do inferno